Comes e Bebes em Porto de Galinhas

Dos Restaurantes da Vila, escolhemos o Barcaxeira para nosso primeiro petisco: Iscas de Peixe Crocante (empanadas na macaxeira palha) que para dizer a verdade, achei sem tempero, sem sal mas não era ruim, apenas sem graça. Além disso, a  Macaxeira Gratinada é um petisco de lá que todo mundo fala muito bem, então acredito que escolhemos errado.

O Caldinho do Cláudio  tem um atendimento ótimo e serve Cerveja Brahma geladinha (tipo canela de pedreiro) e por causa disso voltamos lá quase todos os dias.  Dos petiscos comemos: Carne de Sol  (que estava dura, não recomendo), Caldinho de Feijão (que vem com azeitona e ovo de codorna no lugar do torresmo) e Casquinho de Aratu (muito gostosa).

Ainda na Vila, escolhemos o Restaurante Dona G para uma Pizza,  que se fosse servida na pedra seria ótima. Não gosto de comer pizza que esfria rápido, mesmo que o gosto agrade o meu paladar(e agradou), fico com implicância do lugar.

Fomos também ao Beijupirá, um restaurante onde a decoração é uma graça. Ele faz parte da Associação Prato da Boa Lembrança (uma peça exclusiva em cerâmica com desenho original bem colorido que você leva para casa depois de comer). Mas pedimos um outro prato que eu esqueci o nome, alguma coisa que tinha frutas e frutos do mar, com queijo coalho derretido e maçaricado  por cima e beiju de acompanhamento. Delícia!!

wp-1475684705557.jpg

O Gaúcho Grill foi o lugar onde conseguimos comer uma boa carne. Eles têm também um buffet bem variado com saladas, pratos quentes com peixes e massas (escolha uma mesa longe da porta, onde fica uma moça gritando isso o tempo inteiro). Para comer o quanto quiser, livre de balança.

No Fiteiro a gente finalmente encontrou um Chopp Brahma geladinho, melhor que isso, uma promoção clone de chopp  que vocês podem deduzir: dois por um. O bar é super simples mesmo, mas serve um camarão ao alho e óleo na frigideira de pedra que eu fico com água na boca só de lembrar.

wp-1475685115103.jpg

Nossa última parada para comer foi em um restaurante com uma vista super bacana para o mar, bem no centro da Vila chamado O Pescador. Pedimos uma moqueca de peixe com camarão servida com arroz e pirão que estava uma delícia, seria perfeito se o refrigerante estivesse mais gelado.

Sem esquecer o peixe frito na barraca em frente ao mar no dia que fomos até Maracaípe, né?!

wp-1475683235911.jpg

Fora isso, ainda tem as guloseimas, como o famoso bolo de rolo e os biscoitinhos feitos do próprio bolo, as cocadas recheadas, as castanhas de caju e umas pingas artesanais (você pode provar nas lojinhas ali da Vila) que Nóssinhora!! Comi lá e ainda trouxe na mala!!

wp-1475674359120.jpg

E com esta imagem de castanhas de caju carameladas eu termino esse passeio maravilhoso que me deixou com uma super vontade de voltar. Espero que vocês tenham aproveitado um pouquinho comigo também.

Beijo beijo e até a próxima!!

Alimentação em Porto de Galinhas

Natália Ramos


Natália Ramos Brasileira, 1973. Nascida e criada em cidade do interior. Turismóloga por formação, empresária por profissão e maquiadora por vocação. Curiosa, determinada, invocada, impaciente e feliz (nem sempre, mas quase sempre)!


Post navigation


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *